Sobe & Desce – 2 de outubro de 2020

Sobe – Cresce, assustadoramente, por toda a cidade, as criticas e reclamações quanto a atual administração municipal, diariamente nas redes sociais e também pelas rodinhas de bate papo o assunto é a situação do atual prefeito. Diferente de seus antecessores, pouquíssimas obras foram inauguradas, deixando pela cidade um rastro de obras iniciadas e não finalizadas, vide a situação do Cine São Pedro, Praça Horário Ramalho e Praça Dr. Waldemar D’Ambrósio, isso só aqui no centro da Cidade.

Desce – Falando em atual prefeito, está difícil dos marqueteiros de plantão, achar uma foto para postagem nas redes sociais, que possa agradar gregos e troianos do chefe do Executivo. Uma hora é dando risada (?), outra assustado, outra subindo em árvores e até mesmo à frente de fonte luminosa, nos tempos em que a mesma recebia água. Lamentável.

Sobe – O responsável pela empresa vencedora da licitação das obras da praça Dr. Horácio Ramalho está p… da vida com o prefeito. Durante a semana, pelo rádio, desfilou comentários desagradáveis contra a administração municipal. E todo mundo na Prefeitura ficou calado, caladinho. Como se nada tivesse acontecido.

Desce – Com uma equipe de assessores de imprensa desconhecida, sem nenhuma ligação com a cidade, o prefeito não consegue rebater as críticas de forma atualizada. O que ele quer mesmo é aparecer, de qualquer jeito, nas redes sociais. Aparecer aparece, mas as críticas sobre sua administração aparecem muito mais.

Sobe – A cada dia que passa, as redes sociais recebem postagens contrárias sobre o corte de árvores na avenida Dr. Horácio Ramalho, via pública que passa defronte a entrada do condomínio Tennis Park, anunciada pelo prefeito para duplicação do trecho.

Desce – Comentam os internautas, que há mais de 20 anos, as árvores ali existentes contribuem para o descanso de pessoas, proporcionada pela sombra que apresentam durante o dia. Muitos são favoráveis à construção da via pública, mas que as árvores permaneçam no local. 

Sobe – Que a administração municipal, caso tenha mesmo o interesse em duplicar a avenida, que o faça e termine a obra, a fim de que não aconteça como está acontecendo com muitas outras, iniciadas há tempos e paradas, sem nenhuma informação de quando terminá-las.

Desce – Aliás, essa falta de comunicação com a população, poderá custar caro ao atual prefeito, candidato à reeleição para as eleições municipais deste ano. Deve se lembrar o chefe do Executivo que “o povo põe, o povo tira”.